349 Shares 7651 views

O iene – a moeda japonesa com uma rica história

Não só para alguém em segredo o nome da moeda japonesa, como no mercado externo, o iene é o terceiro em popularidade, perdendo apenas para o dólar eo euro. Foi introduzido em 1872, o governo liderado pelo Meiji, a fim de criar um sistema semelhante ao europeu. O decreto correspondente foi assinado pelo ano Imperador anteriormente. Nova moeda japonesa implica o uso do sistema de contabilidade decimal. Naquele tempo, o custo de um yen é de 0,78 onças, que era equivalente ao preço de uma metade de um grama de ouro. A partir de hoje, é a mesma quantidade que você pode comprar mais de 3,5 mil. Iene.


japonês, moedas e notas de banco

Pela primeira vez no Japão, as moedas foram introduzidas em 1870. Elas eram feitas de ouro e prata. No primeiro caso, a denominação foi de 5, 10, 20, 50 de Setembro e um iene, e na segunda – 2, 5, 10, 20 ienes. Quase vinte anos mais tarde, na parte de trás houve uma moeda de 5 de Setembro, para o fabrico dos quais utilizado uma liga de cobre e níquel. Em 1897, o governo retirou de circulação o iene prata e reduzir pela metade o tamanho de moedas de ouro. Desde 1954, o Japão perdeu seu poder e parar de tomar tudo moedas, a dignidade que é menos de um yen. Agora, a maior denominação de moedas no Japão é de 500 ienes. Deve-se notar que eles estão entre os mais caros do planeta, por isso é muitas vezes alvo de falsificações.

Ao longo de sua história, a moeda japonesa foi emitido em notas em uma escala de dez sen a dez mil ienes. O único corpo direito à sua liberação, é o Banco Nacional. Note-se que, para todos os tempos foram emitidos cinco séries de notas japonesas.

taxa de câmbio fixa do iene e seu apreço

Como para a Segunda Guerra Mundial, e depois dele, o máximo de dinheiro japonês perdeu seu valor. A este respeito, a fim de garantir a estabilidade econômica no país, em 1970, foi instalado fixo sua taxa de câmbio é de 360 ienes por dólar. Um ano mais tarde, em conexão com alguma depreciação do dólar, o seu valor já 308 yen era. Naquela época, o governo entende que, se a moeda japonesa continua a subir de preço, os produtos do país vai se tornar menos competitivo, e este, por sua vez, irá causar um grande dano à exportação e o desenvolvimento da indústria local. Como resultado, o Japão, em 1973, começou a tomar parte ativa na compra e venda de moeda estrangeira nos mercados internacionais. Apesar dessas medidas, como mostrado pela taxa de troca moedas oficial, o iene continuou a apreciar. Se no final do ano para um dólar americano foi 271 ienes, em 1980-227.

Acordo "Plaza" e seu impacto sobre o iene

Em 1985, os principais financiadores e analistas do mundo passaram a acreditar que o dólar americano é muito sobrevalorizada moeda. Como resultado, foi assinado pelo acordo chamado "Plaza", o que foi confirmado este fato. Como resultado, em 1988 o custo de um dólar foi de 128 ienes. Em outras palavras, a moeda japonesa contra os EUA, aumentou o seu valor quase pela metade. O pico que atingiu no início de 1995, quando a taxa de câmbio foi de 80 ienes por dólar.