190 Shares 9928 views

Lactostase em uma mãe lactante: sintomas e tratamento. Lactostasis é …

A alegria da aparência de uma criança no mundo está associada a uma maior responsabilidade. Atenção requer não só o bebê. Uma mulher precisa monitorar sua saúde. Alimentação inadequada, expressão incompleta de leite pode provocar fenômenos bastante dolorosos associados com dor no peito e desconforto severo. Os médicos diagnosticam a lactostase em tais mães. Esta é uma aflição desagradável, que, se ignorada, pode ser complicada pela mastite.


Características da doença

O que é a lactostase? Esta doença é familiar para muitas mulheres, não por boatos. A doença é provocada pela estagnação do leite.

Como resultado de certas causas, os ductos de leite estão entupidos. O leite flui devagar ou não aparece. Acumula-se em lóbulos leitosos. Esta é a lactostase. Os sintomas da patologia são bastante desagradáveis. Os lóbulos leitosos estão esticados. Os tecidos que os rodeiam inundam, ocorre inflamação. Uma mulher experimenta dor nessa área.

Consideremos, do que a estagnação do leite é provocada.

Causas anatômicas

Existem muitas fontes desta doença. Mas, na maioria das vezes, como resultado da estrutura anatômica individual das glândulas mamárias, a lactostase ocorre. Esta é a causa mais comum da doença, embora não seja a única.

Os médicos lideram os seguintes fatores anatômicos que desempenham um papel de liderança no desenvolvimento da patologia:

  1. Aumento da secreção. O organismo da mulher produz mais leite do que a migalha requer. O volume se estabiliza em torno do segundo mês de lactação. É por isso que a doença é freqüentemente encontrada no início da alimentação.
  2. Estrutura individual dos dutos. Algumas mulheres são naturalmente estreitas. A criança simplesmente não tem força para "extrair" leite desses ductos.
  3. A forma do baú. A estrutura individual pode criar dificuldades na drenagem completa dos dutos.
  4. Mamilos planos ou retraídos. É difícil para uma criança agarrar uma glândula mamária corretamente. Como resultado, o bebê não come, mas os dutos não estão completamente esvaziados.

Fatores comportamentais

Lactostasia em uma mãe de enfermagem pode resultar das seguintes razões:

  1. Aplicação incorreta de migalhas no peito. Como resultado, mamilos e rachaduras se formam nos mamilos, o que complica o processo de alimentação e, assim, contribui para a formação de patologia.
  2. Grandes intervalos de tempo entre alimentação. Os médicos modernos chegaram à conclusão de que a criança deveria ser aplicada ao peito em seu primeiro pedido. O cumprimento desta regra protege uma mulher da formação da estagnação do leite.
  3. Roupa íntima apertada. O sutiã selecionado incorretamente aperta as formas leitosas. Tal fator leva à formação de lactostase.
  4. Ferimento de mama. Strokes from falls, hematomas provocam a estagnação do leite de uma mulher de enfermagem.
  5. Hipotermia grave. Como resultado, observa-se o estreitamento dos dutos, surge a patologia mencionada acima.

Sintomático da doença

É extremamente importante detectar a lactossase em tempo hábil. Os sintomas em mães que amamentam no estágio inicial são bastante típicos. É necessário apenas ouvir o seu corpo e prestar atenção ao desenvolvimento da patologia. É mais fácil curar a doença nesta fase. É mais difícil lutar se uma mulher "começa" a lactostase.

Os sintomas que precisam ser abordados são:

  1. Na área da mama, ocorre dor e desconforto.
  2. O peito fica inchado, denso. Essas manifestações clínicas são observadas precisamente na área em que a estagnação do leite está localizada.
  3. No peito aparecem manchas vermelhas.

Nesta fase, a mulher não sente mudanças especiais em seu estado de saúde. Mas é muito importante começar a lutar com patologia nesta fase. Os métodos de tratamento mais eficazes são a massagem e o bombeamento.

Se a patologia não puder ser interrompida nesta fase, a doença começa a progredir.

Neste caso, uma mulher enfrenta manifestações clínicas tais como:

  • Inchaço e vermelhidão do peito;
  • O ferro é doloroso, parece quente;
  • Fraqueza geral em uma mãe de enfermagem;
  • Aumento da temperatura;
  • O início dos calafrios;
  • Pode haver presença de náusea;
  • As tentativas de expressar o baú na mão causam dor severa;
  • O bebê se recusa a se alimentar, pois o peito firme não é capaz de entender.

Tratamento da doença

Infelizmente, qualquer mãe em lactação pode sofrer lactostase. Os sintomas e o tratamento da patologia devem ser conhecidos de todas as mulheres. Isso permitirá a detecção atempada da doença e tomar medidas para eliminá-la.

O tratamento mais efetivo para a lactostase em mães que amamentam é o seguinte:

  1. A primeira ajuda para uma mulher será seu bebê. Se houver suspeitas de estagnação do leite, certifique-se de colocar as migalhas no peito. O bebê é melhor do que qualquer dispositivo, limpará os dutos. Recomenda-se que aplique o bebê com a maior frequência possível até que a lactossase passe completamente.
  2. Expressando. Tal exercício é recomendado se o bebê se recusar a tomar peitos. Antes de decantar é desejável tomar um banho quente. Neste caso, o processo será muito mais fácil. Para limpar os dutos, recomenda-se alternar com uma massagem leve. No entanto, não se deve massagear massivamente ou comprimir a mama, pois isso levará a traumatismo na glândula e aumentará o inchaço.
  3. Quando ocorre um arrepio, é permitido tomar uma preparação antipirética baseada em paracetamol.
  4. Depois de esvaziar o peito, você pode aplicar o creme "Traumeel C" ou uma pomada chamada "Arnika" para a área dolorosa.
  5. Se a base da lactostase é estresse, então o medicamento "No-shpa" trará alívio. Este medicamento é recomendado para usar três vezes ao dia para um comprimido. Ele não causará dano ao bebê, enquanto ele eliminará perfeitamente os espasmos nos ductos de leite.

É altamente indesejável usar compressas de álcool, bem como pomada de ictiolo, Vishnevsky. O efeito de aquecimento pode levar à aparência de mastite.

Se, no prazo de 2-3 dias, a lactossase não recuar na enfermagem, os médicos prescrevem um tratamento de mulher com antibióticos. Para tais fins, como regra geral, são utilizados os seguintes medicamentos: "Amoxicilina", "Augmentin". Mas lembre-se de que esses medicamentos só podem ser prescritos por um médico.

Técnicas de massagem

Muito útil para massagem com leite estagnado. No entanto, é necessário executar este procedimento corretamente. Caso contrário, você pode agravar a patologia.

Quando a lactostase durante uma massagem, as seguintes regras devem ser observadas:

  1. O objetivo principal do procedimento é relaxar a compactação. Portanto, pressionar força deve ser excluído.
  2. Comece a fazer massagens na base do baú e mude para o mamilo. Então você ajuda o leite a sair dos dutos.
  3. Recomenda-se realizar um movimento em espiral no sentido horário.
  4. Se a massagem leve causar desconforto doloroso, execute o procedimento no chuveiro. Mas lembre-se de que a água deve estar quente, mas em nenhum caso quente.

As regras para expressar uma doença

Este procedimento proporcionará alívio em uma patologia como a lactostase.

Esta atividade deve ser realizada da seguinte forma:

  1. Abrace o baú com a mão. O polegar está no topo. O resto deles segura o baú de baixo.
  2. O polegar e o indicador agarram a areola. Você deve sentir uma superfície áspera.
  3. Agora comece a massagear essa irregularidade. O movimento deve ser direcionado para o mamilo.
  4. Se você dominou adequadamente a técnica, o leite começará a deixar o peito com bons gumes.

É esta técnica que irá garantir-lhe um mínimo de dor durante a decantação. Se a patologia não for iniciada, a mulher geralmente não sentirá nenhum desconforto.

Remédios populares

É muito comum tratar a lactostase em enfermagem com a ajuda de receitas antigas, que nossas avós também usaram.

Os meios mais eficazes são:

  1. Folha de repolho. Você precisará de repolho branco comum. Retire uma grande folha de papel. Enxaguá-lo completamente debaixo d'água. Faça alguns cortes e lembre-se um pouco. A folha deve deixar o suco. Em seguida, coloque o remédio em um local dolorido. Após 3 horas, substitua por uma nova. Se você tolerar bem o mel, recomenda-se que aplique uma escova na folha de repolho antes de aplicá-la. Isso proporcionará um tratamento mais efetivo.
  2. Camomila. Este remédio elimina perfeitamente a inflamação. Portanto, é recomendável usar chá à base de camomila. Esta ferramenta é capaz de protegê-lo de conseqüências como a mastite infecciosa purulenta.
  3. Cebolas. Descasque a cebola e assetela no forno. De forma quente, prenda este produto ao seu peito. Após a alimentação, sempre substitua a lâmpada por uma nova.

Prevenção da doença

Para proteger contra o desenvolvimento da lactossase, os médicos aconselham você a ouvir as seguintes recomendações:

  1. Certifique-se de colocar o bebê no peito assim que necessário. Gradualmente, seu corpo se ajustará às necessidades de migalhas e produzirá tanto leite quanto necessário.
  2. Alimente a criança em diferentes posições ao longo do dia. Aprenda a fazer isso em uma posição reclinada e sentado.
  3. Os intervalos entre as refeições não devem exceder 4 horas.
  4. Escolha cuecas especiais. Isso facilitará o processo de alimentação e proteção contra o desenvolvimento da doença.
  5. Observe o regime de beber. Quanto mais você beber fluidos, mais intenso é o leite.
  6. O processo de lactação é significativamente afetado pelo estresse e pelo exercício. Eles podem provocar um aumento na produção de leite e seu desaparecimento.

Se a lactossase ocorreu e suas ações contra ela não tiveram êxito, não demore a patologia, não se esqueça de entrar em contato com especialistas.