773 Shares 8975 views

Plano de negócios detalhado para o estúdio de fotos. Como abrir um estúdio de fotos?

Uma boa foto é comparável apenas a uma brilhante obra impressa, que durante séculos não mudou seu próprio conteúdo, mas, ao mesmo tempo, em todas as famílias que estão dispostas a possuir. É por esta razão que muitos empresários principiantes decidem abrir um estúdio fotográfico, um plano de negócios para o qual é criado de forma semelhante a todos os outros tipos.


Para quem é orientado?

Este tipo de ganhos é mais adequado para os empreendedores que têm paciência suficiente, que não querem arriscar, que são capazes de aguardar o retorno total dos investimentos realizados. Isso pode ser explicado pelo fato de que a demanda por fotografia cresce de forma constante, mas faz isso bastante moderadamente em comparação com outras indústrias.

A rentabilidade das empresas é fornecida somente se houver capital inicial suficiente. O projeto só pode ser lançado se o plano de negócios do estúdio de fotografia estiver pronto, e descreve detalhadamente todos os pontos e nuances dessa atividade, fatores organizacionais e questões financeiras. O período de recuperação para este tipo de atividade é bastante alto, cerca de 2-4 anos.

Embora o objetivo seja caracterizado por um grau muito específico de clareza, há um grande número de dificuldades que podem tornar esse segmento de negócios bastante difícil de começar. Não deve apenas considerar o plano de negócios do estúdio fotográfico, um exemplo de qual será apresentado abaixo, mas também pontos importantes sobre as atividades imediatas de tal organização.

Mercado consumidor

Os clientes podem ser condicionalmente divididos em dois grandes grupos, enquanto as necessidades específicas são levadas em consideração. As entidades jurídicas utilizam ativamente uma ferramenta sob a forma de uma fotografia para posicionar sua marca e seu desenvolvimento posterior. Para os cidadãos comuns, a necessidade de fotografia surge como um atributo esteticamente útil destinado a capturar importantes momentos de vida: aniversários, casamentos, batismos e assim por diante.

O plano de negócios para abrir um estúdio fotográfico também deve levar em consideração uma nova tendência, como atualizar seu próprio portfólio para meninas e meninos ativos em uma variedade de recursos da Internet e redes sociais. Neste caso, há uma necessidade urgente de uma imagem de alta qualidade.

Opções de estúdio fotográfico

A escolha do formato do projeto em desenvolvimento afeta a massa de fatores adicionais que o empresário precisará levar em conta até certo ponto. Ao criar um plano de negócios para um estúdio de fotografia, é necessário determinar a direção de prioridade, porque depende disso quando o projeto iniciado começará a fazer lucro. Qualquer uma das opções descritas com abordagem adequada é capaz de fornecer um alto nível de renda.

Estúdio fotográfico de tamanho completo

Se você decidir abrir um estúdio fotográfico, você pode criar um plano de negócios de forma que seja uma organização que ofereça uma gama completa de serviços neste campo. Para esses fins, será necessária uma sala interior com decorações, figurinos, bem como equipamentos fotográficos de todos os tipos. O plano de negócios do photostudio neste caso também deve assumir formas adicionais de ganhar sob a forma de alugar instalações por curtos períodos de tempo ou para realizar fotos; Produção de itens de presente e várias lembranças, realizando aulas de mestrado com aulas práticas.

Photo Salon

Esta opção envolve a criação de apenas um tipo oficial de fotografias. O plano de negócios do estúdio de fotografia neste caso pode ser chamado o mais simples, uma vez que esta opção é um orçamento, projetado para iniciar atividades. O sucesso é impedido pela colocação, ou seja, a sala deve ser escolhida corretamente.

Photostudio para crianças

Este projeto destina-se a pais que querem capturar seus filhos em toda a sua glória. Para garantir uma demanda adequada, será necessário um espaço interior estilizado, bem como cenários temáticos com um conjunto completo de atributos necessários. Mesmo um plano de negócios pronto para um estúdio fotográfico deste formato não é adequado para iniciantes, pois está orientado para organizações que possuem uma poderosa base de clientes.

Mini-estúdio

Este é um análogo de um estúdio de formato completo, que permite que você se envolva em todo tipo de áreas industriais. Esta opção é conveniente para começar, pois tem uma ampla perspectiva de crescimento e novas mudanças de especialização.

Independentemente do formato de estúdio fotográfico escolhido, o sucesso será regular como resultado da prestação de serviços de alta qualidade neste campo.

Competição

Um empreendedor novato estará em uma situação em que ele precisa lutar por clientes com dois tipos de adversários: estúdios de grande formato e fotógrafos privados. Os primeiros preferem cooperar com grandes clientes sob a forma de revistas, agências de modelos e outros, de modo que não serão um obstáculo real para um pequeno estúdio fotográfico com capacidades limitadas. Mas os fotógrafos privados estão concentrados no consumidor médio e pequeno, como o próprio empreendedor.

Você pode sugerir uma estratégia ideal para um empresário que pretende abrir um negócio bem sucedido e já compilou um plano de negócios para um estúdio de fotografia. Dada a pequena concentração de estúdios fotográficos operacionais e a saturação insuficiente deste nicho, é necessário selecionar um lugar que será removido do congestionamento de fotógrafos e pequenas empresas.

Custos necessários. Plano de negócios

Deve entender-se que não existe uma barra máxima para esta esfera, portanto, um fotomassor médio é usado para o cálculo, que é capaz de realizar atividades qualitativas e diversas nesta área. O plano de negócios pronto do photostudio com cálculos conterá toda a lista de despesas que deveriam ser abertas para isso. Na lista de variáveis, isto é, custos únicos, é necessário incluir o seguinte:

– registro legal de toda a documentação, que pode ser necessária – 40-60 mil rublos dependendo da região;

– custos associados à reparação e posterior concepção das instalações – 250-300 mil rublos, de acordo com os indicadores iniciais;

– a compra de um conjunto de equipamentos de trabalho pode exigir uma quantidade de 200-600 mil rublos, dependendo da direção escolhida e do formato das atividades;

– compra de móveis para o escritório – 150-300 mil rublos;

– outras despesas e fornecimentos – de 100 mil rublos.

Acontece que a quantidade de custos variáveis é de 740-1360 mil rublos.

Há também uma lista de custos que são permanentes. Entre eles estão os seguintes:

– aluguel para as instalações utilizadas para a atividade, – 60 mil rublos ou mais;

– remuneração dos empregados – 50-90 mil rublos;

– organização e realização de uma campanha publicitária – 30-50 mil rublos;

– Outros investimentos de capital – 10-30 mil rublos.

Acontece que a quantidade de custos fixos está no intervalo de 150-230 mil rublos por mês. Como resultado, o plano de negócios do estúdio de fotografia, cujo exemplo está sendo considerado, deve significar o montante necessário para iniciar uma atividade que é pelo menos 900 mil rublos.

Equipamento

Para iniciar as atividades, será necessário muito:

– fontes de luz artificiais, guarda-chuvas para lúmen e reflexão, softboxes, refletores, cortinas, placa de retrato ;

– racks, suportes, tripés;

– uma câmera e um conjunto de lentes;

– fundo decorativo com fixadores;

– um flashmeter;

– Sincronizadores projetados para garantir o funcionamento normal de chamas;

– inventário para o vestiário;

– Um computador com bom desempenho;

– atributos auxiliares que não estão originalmente incluídos no plano de negócios do estúdio fotográfico (amostra). Exemplo: plano de fundo e coisas.

A equipe

O pessoal, no início, geralmente inclui esses especialistas:

– Os fotógrafos podem ser profissionais jovens que têm um portfólio de alta qualidade e mestres com autoridade experiente. A primeira opção proporcionará uma certa economia de salários, enquanto a segunda garante um fluxo de clientes regulares. Ideal é a relação entre mestres experientes e novatos, um em um, caso em que será obtido um estúdio de fotografia bem sucedido. O plano de negócios, os cálculos e a indicação de todos os custos devem estar necessariamente contidos em um único documento.

O administrador do estúdio de fotografia deve ter certeza, e para a continuidade do trabalho exigirá um mínimo de dois. Um bom administrador não só resolve todos os problemas em um nível profissional, mas também alerta oportunamente sobre prováveis problemas.

– O pessoal técnico deve estar em qualquer estúdio fotográfico, o número depende do tamanho. Os funcionários devem ter um horário de turno com a possibilidade de substituição, se necessário.

Content-marketer assume as obrigações associadas à criação da imagem do estúdio na Internet e sua promoção. No momento, este setor contém a grande maioria dos potenciais clientes, por isso deve ser lembrado. Se você pretende abrir um estúdio fotográfico, o plano de negócios deve conter esse item.

Termos de abertura

O momento dado depende completamente do formato escolhido de negócios e disponibilidade de fundos de investimento. Dependendo da situação, o período pode ser de 1-3 meses a 6-8. Se estamos falando de maximalismo empresarial em condições de uma grande escassez de fundos, o prazo será de 9 meses. Como principais comedores de tempo, pode-se citar a busca de instituições financeiras, investidores ou parceiros que possam fornecer a quantidade necessária de dinheiro.

Plano de marketing

O plano de negócios para a abertura do estúdio fotográfico inicialmente pressupõe que esta é uma idéia muito dispendiosa, que exige muito dinheiro para a implementação, e é impossível contar com um retorno rápido sem uma boa entrada de clientes nos primeiros meses de operação. Portanto, a organização da publicidade é realizada em três direções: entre clientes regulares, através de meios tradicionais de entrega de informações, através da promoção da Internet.

Para que os visitantes comecem a falar sobre o estúdio fotográfico, é necessário selecionar uma abordagem individual para cada uma, opções não padronizadas para a implementação de desejos, além de oferecer serviços de alto nível profissional. Somente neste caso, a criação de um estúdio fotográfico, cujo plano de negócios está sendo desenvolvido, será conveniente. Para a aplicação da forma tradicional de submissão de informações, é necessária uma agência de publicidade com uma reputação comprovada para poder notificar a todos em pouco tempo sobre a nova loja de fotos. A promoção na Internet requer um suporte constante, levando em consideração as tendências e as tendências do consumidor.

Mesmo se você criar um plano de negócios para um estúdio de fotografia interior, não ignore ferramentas tão importantes para serviços de posicionamento, como descontos, bônus, promoções, prêmios, etc. Esta abordagem já foi testada e funciona.

Receita planejada e retorno

A rentabilidade do projeto é influenciada por muitos fatores, entre os quais destacam-se: localização, serviços profissionais, campanha publicitária direta. Com a organização correta e planejada de atividades, você pode contar com uma renda anual média de 600-800 mil rublos. Esses indicadores garantem um período de recuperação total de não mais de 4 anos. O empreendedor iniciante deve entender que, nos números de negócios de fotos, há indicadores relativos, que têm oportunidades ilimitadas de crescimento. Desde os primeiros dias, você não pode tentar criar um projeto caro, porque há nuances e circunstâncias que o corrigirão em qualquer caso. É melhor organizar um começo moderado com ênfase na alta qualidade dos serviços prestados.

Conclusões

Para um novo estúdio, as receitas dependem do nível de carga de trabalho e da qualidade dos serviços prestados. E não importa se existe um plano de negócios pronto para um photostudio com cálculos ou não, é necessário abordar esta questão com toda a responsabilidade e compreensão da situação atual no mercado. Um download para uma organização que acaba de começar seu trabalho pode ser fornecido apenas em condições de publicidade correta. Com sua organização incompleta ou abordagem errada, o novo fotomáster terá todos os motivos para fechar na primeira metade do ano.