345 Shares 9629 views

Como preencher uma declaração de IVA? Calcular o IVA. O preenchimento da declaração de IVA

De acordo com dicionários e livros de referência, o valor acrescentado (IVA) é uma forma de convulsões no orçamento do Estado do custo dos bens, obras ou serviços, que é criado em todos os estágios processo de produção de bens, obras e serviços e entrou no orçamento executado. Por isso, é necessário saber como preencher a declaração de IVA.


O que é o IVA?

Se simples palavras para dizer o leigo que é o IVA, que será algo parecido com isto: uma espécie de imposto, dado pelo fabricante para o estado porque cria (ou vende para criar outro) do produto, a partir do qual, em seguida, fará um lucro acima do seu custo de produção .

Em outras palavras, o imposto é calculado sobre a diferença entre o preço de venda do produto ea quantidade de dinheiro investido em sua compra (ou fabricação). Note-se que o vendedor compensa a mesma quantidade de próprio IVA, colocá-lo no custo final das mercadorias.

Quem e como deve apresentar relatórios sobre o IVA

Direito Tributário no artigo 174.1 do Código de Taxas e Impostos diz que este imposto deve ser declarado:

  • pessoas que não pagam o imposto especificado (para mais detalhes – artigo 173, parágrafo 5);
  • enfrentar física e jurídica, se eles pagam o IVA;
  • alguns cento e sessenta primeiros agentes fiscais artigo.

Sabendo como preencher a declaração de IVA, a ser seguido e as regras pelas quais as empresas não carregar o fardo de pagar impostos, mas oferece aos seus clientes uma factura será declarado imposto sobre o valor.

O artigo 80 do Código estipula que uma declaração deste imposto pode ser apresentado na forma de declarações sobre a totalidade do montante do lucro, a sua origem, para o custo, a instalação deve ser tributados, os benefícios montante do IVA e outras informações documentadas, que é determinada pelo cálculo do imposto acumulados.

Todos os registros de contribuintes do IVA informações relevantes são fornecidos pelo seu lugar efectivo de inscrição até o dia de calendário dia 20 do mês seguinte ao período tributável.

Entrou em vigor sobre a actualização do artigo 174 do corrente ano, o primeiro dia exigir que todos os contribuintes (independentemente do número de funcionários) para tomar o formato de declaração adequado através de canais de telecomunicações através de um operador documento correspondente.

Principais disposições de apuramento

O preenchimento da declaração de IVA é realizado atualmente sem modificação – de acordo com a ordem oficial do Ministério das Finanças № 104N de 15 de Outubro de 2009. Mas, em uma carta ao CH Federal (2013/10/17, № ED-4-3 / 18585 "Ao completar as declarações entregues às autoridades fiscais") é recomendado desde o início do primeiro mês do ano para entrar em vez OKTMO OKATO.

Se o formulário de declaração de IVA é preenchido corretamente, a empresa garante retorno de imposto. Por isso, é importante entender como preencher a declaração de IVA está correta e ser capaz de usar o plano estrutural da elaboração do documento contábil.

O artigo descreve em detalhes como a apresentar declarações fiscais para efeitos de IVA. Formar contém certos itens.

As principais seções do relatório do imposto documento

Formulário destino título da folha:

  1. Seção Um – um volume de tamanho completo do montante do imposto que são transferidos para o orçamento do Estado.
  2. A segunda seção – deduções, de acordo com agentes fiscais listados na tesouraria do Estado.
  3. Seção 3 da declaração de IVA calcula o montante deduzido à taxa de 0%.
  4. Adj. 1 para a terceira seção – o montante do imposto a pagar, que apareceu como um resultado da recuperação.
  5. Adj. 2 para a terceira seção – (passa através de representação organizada de residência em outros países, cuja actividade) o cálculo do montante do IVA para os serviços, o comércio de vários produtos, renovação dos direitos de proprietários, o IVA.
  6. A quarta seção é necessário calcular o IVA sobre a base de operações que têm substância comercial, em que a taxa zero é confirmada.
  7. A quinta seção – calcula os custos de atividades comerciais voltadas para a taxa acordada de valor acrescentado.
  8. A seção sexta – IVA é calculado em relação às operações do tipo comercial sem confirmação oficial.
  9. Secção 7 da declaração de IVA aplica-se a atividades comerciais que não estão incluídos na imposição de pagamentos de IVA, que não são reconhecidas como sujeitos, para pagar impostos, ou para processos que são realizadas fora do território da Federação Russa.

Este ano, o que corresponde ao preenchimento da declaração de IVA implica a presença obrigatória do design de página de rosto. Se a prática de uma determinada organização empresarial representativa inclui as ações que são designados nos regulamentos, as restantes secções estão incluídas no documento de contabilidade de acordo com a estrutura.

As instruções para preenchimento indica que contribuintes do IVA como base para elaborar a declaração deve tomar venda de livros, compras de livros e registos de contabilidade (registros fiscais possíveis).

declaração IVA em 2014: Exemplo

declarações fiscais documento de discussão estão começando a chamar a folha de rosto. O certificado de registo junto das autoridades fiscais apontou que a primeira coisa a inserir informações sobre PPC e INN.

O item "correções número" implica um código de tipo de documento de passagem (no caso da oferta primária – 0, documento centesimal – 1). Códigos na declaração de IVA e incluir o código que contém informações sobre como preencher a declaração do período de tributação.

A coluna "Relatórios Ano" deve conter informações sobre o ano em que a entrega da declaração de IVA. Formulário devem ser numeradas, indicando o seu número de serviço correspondente, que aceita relatórios. Neste caso, indicar o código no valor de 400, isso indica que o contribuinte está registrado no mesmo lugar onde o documento é arquivado.

Com base em códigos de classificador de atividade econômica este ano, indicam a NACE. No item "A confiabilidade e integridade das informações apresentadas nesta declaração, eu confirmo" se encaixa código, cujo número depende da pessoa que assinou o documento (chefe da organização – 1, trustee – 2).

Iniciais e pintadas, ao mesmo tempo são colocados na "assinatura". Se a assinatura foi colocada sobre a procuração lavrada em cartório, informações em papel oficial, que confirma tudo o atribuído aos poderes signatários, refletida ainda no "Documento indicando a autoridade do representante."

um plano detalhado

Como preencher a declaração de IVA com o plano:

  • a primeira seção exibe informações sobre o montante do imposto a ser transferidos para o orçamento do Estado ou estão programados para consideração;
  • uma corda de 010 entrou na OKTMO código (OKTMO 033-2013 OK válida desde o início do ano);
  • Contagem 020 – aqui em números é inserido tipo de classificação do orçamento de forma criptografada, ele é criado com a finalidade de cobrança do IVA (18210301000011000110);
  • na linha 030 são inseridos dados em termos quantitativos do imposto que deve ser pago para o tesouro estadual; entidades auto-partido calculados envolvidos em atividades empresariais que colocam a factura;
  • Contagem 040 é projetado para colocar o volume de imposto fixa para pagamento, como referido no artigo 173 (nº 1);
  • na caixa 050 escreve a soma do reembolso planejada do orçamento do Estado;
  • os valores finais de 040 e 050 são considerados por informações secção 3.

Como preencher uma declaração de imposto para os agentes fiscais do IVA, o que proporcionou uma segunda seção do documento? Considere um exemplo. Declaração de IVA é a seguinte:

  • linha 010 é projetado para colocar o código da razão para a divisão da organização estrangeira, que realiza monitoramento de pagamento de receitas fiscais e fornece registros financeiros registo;
  • linha 020 representa o nome completo da pessoa jurídica estrangeira que não é considerado uma autoridade fiscal;
  • na linha 030 é feita INN este assunto;
  • na linha 040 é colocado de acordo com o código de classificação orçamento;
  • linha 050 – um classificador código dos territórios municipais;
  • na linha 060 é registrado pelo IVA cálculos finais destinada ao pagamento de impostos agente;
  • linha 070 é o código para colocar atividades realizadas pelo sujeito, que deve calcular e pagar as receitas fiscais;
  • A linha 080 mostra a quantidade de IVA, o agente contadas no período actual de tributação;
  • na linha 090 são registrados o volume de deduções fiscais, que contou contra futuras transações para a venda de bens (serviços, trabalhos).

Há um ponto em que você quer se concentrar, quando formulada em 2014. O formulário de devolução do IVA pode ser preenchido com as mudanças em alguns casos. Se não existem dados na coluna 080, o valor registado nos gráficos 090 060. Na ausência de dados de gráfico 090, a 060 o valor de 080 gravado.

A terceira seção mostra a taxa do imposto, a sua base, o montante do imposto já cobrado, a quantidade de todos os reembolsos. A apresentação de uma declaração de IVA significa apenas o projeto direito, que deve ser semelhante, como descrito abaixo.

  • pagador, necessariamente, indicar o seu PPC e estanho;
  • 010-040 exibe informações sobre o montante do imposto em uma determinada taxa e a base tributária definidos nos artigos 153-157 e 159 do Código Tributário;
  • 010, 020 – para a soma de linha tributado 18% e 10% taxas. Os dados são calculados multiplicando o gr figuras. 3 da terceira secção 10 ou 18, e dividindo o resultado por cem.

plano de design progressivo da terceira seção

  1. Para calcular o 030, 040, multiplica os valores do parágrafo 3º do artigo. 3 a 18, em seguida, dividir por 118 (se necessário, 18 é substituído por 10, 118-110).
  2. 050 – aqui colocar para baixo o volume da base tributária e de cálculo do IVA, quando a empresa vendeu como propriedade.
  3. 060 – neste momento corrigir os dados em função do imposto eo montante acumulado durante a instalação de produção e construção para fins pessoais.
  4. 070 – aqui volumes de pagamentos registrados em conta de transações comerciais futuras; Ele também atribui a informação fixa sobre os diferentes pagamentos através da execução das operações planeadas.
  5. 080 – contém informações sobre encargos relacionados com as propostas de pagamento que contribuem para o aumento da base tributária (artigo 162).
  6. 090 – o montante do IVA, que deve ser restaurado. Também na 090 e 100 fazer uma quantidade de dados que disse que a compra e antes de deduzir, ele deve ser restaurado no momento das operações sujeitas a 0%.
  7. 110 – dados de cálculo do IVA que são apresentados ao cliente quando ele recebe os seus pagamentos.
  8. 120 – aqui é introduzida a provisão total de imposto sobre o valor acrescentado.
  9. 130-210 – o montante do IVA para certos dedução. Nota importante: na linha 200 de dados vendedor tabulados capturado por seção 070, parágrafo 3. Observe também aqui o valor adotado para a dedução da posse do sucessor direita, e ordenou-lhes com várias quantidades de cargas.
  10. 210 – entrou valores comprador devedor para pagar o imposto. Esta informação sobre os valores da dedução e transferência para os cofres do Estado.
  11. 220 – aqui o resultado da adição é pontos fixos 150-170, 200 e 210.130.
  12. 230 – do montante final a ser pago, em média, em toda a seção.
  13. 240 – a soma final, contar a uma diminuição na seção atual.

Na quarta seção, insira as informações sobre as ações que são totalmente cobertas pela carga de impostos, ou taxa de que é zero.

normas de enchimento

  • Coluna 1 contem o funcionamento sob a forma de códigos.
  • Coluna 2 prescrito base tributária no que diz respeito aos códigos, a taxa em que o período de reporte zero.
  • Coluna 3 mostra as informações sobre deduções para transações dos parágrafos 1 e 2.
  • Coluna 4 destina-se a remover o volume IVA em relação a cada código.
  • Coluna 5 contém dados sobre a avaliação de impostos que foram tomadas anteriormente uma dedução para ações que não tinha motivo documentado para a taxa de 0%.
  • A décima linha indica a quantidade inteira de imposto que é dedutível (terceiro gráfico + gráfico quarto-quinto gráfico).

Ao completar a quinta seção, há uma necessidade no caso em que a organização recebe o direito de incluir os montantes de imposto à alíquota zero documentado na dedução de impostos.

Há um certo sistema de preencher esta secção.

  • Coluna 1 contém informações sobre o código de operação.
  • Coluna 2 mostra os impostos para cada processo, com confirmação obrigatória de uma taxa de zero.
  • Coluna 3 reflete o valor do imposto para todas as transações.
  • Na coluna 4 entrou no imposto de base sobre cada código.
  • Contagem 5 fixa o montante do imposto sobre os códigos de alíquota zero irracionais que apareceram durante o período indicado na declaração, o direito à dedução.

Seção Seis emitido no caso em que a organização realizou atividades com a justificação não confirmado para a imposição de uma taxa zero.

aparência:

  • Contagem 1 – informações sobre os códigos de operações.
  • Contagem 2 – para cada ação exibe banco de dados separadamente impostos, conforme especificado no artigo 167 da legislação fiscal.
  • Coluna 3 contém uma nota do montante do imposto.
  • Na coluna 4 entrou informações sobre deduções para as vendas em todos os códigos para que uma taxa zero, não tem confirmação.
  • Os resultados nas colunas 2, 3, 4 são apresentadas na linha 010.
  • Se a coluna de dados 3 linha 010 for maior do que as linhas de dados 010 colunas 4, linha 020 é preenchido.
  • Se existe uma situação, inverter a linha 030 de enchimento acima.

Na sétima seção contém informações sobre a não cair no âmbito das actividades de tributação, ou uma isenção de responsabilidade fiscal, e as transações estrangeiras.

  • Contagem 1 010 – informações sobre os códigos de operações.
  • 2 Conde 010 – o custo das propostas, que não estão sujeitos a IVA, e vendidos no exterior.
  • Contagem 3 010 – o preço de aquisição de materiais ou serviços, que não se aplica ao IVA (em relação a cada código).
  • 4 Conde 010 – valores de impostos de informação, que deram entrada no ofertas de pagamento.
  • 020 volumes de pagamento linha documentos (ou avanço) para as ofertas comerciais que são produzidos (feito) mais de seis meses.

Responsável pela apresentação de informações imprecisas

Nós descrevemos acima das regras básicas de registro de documentos fiscais para a apresentação do relatório à autoridade competente. Note-se que o artigo 81 do Código Tributário define as ações em caso de falha dos dados apresentados, seções de enchimento incorretas de outros erros.

Quando deficiências são encontradas sobre a organização exige a apresentação de declarações de IVA na versão atualizada. Além disso, para o fornecimento de "utochnenki" penalidades e impostos de volta para o estado carregado. A base do imposto legislação do nosso país prevê os casos em que o sujeito é obrigado a pagar impostos, tem uma chance de se livrar da responsabilidade de proporcionar as declarações ajustadas.

Em alguns casos, a responsabilidade pela "utochnenku" pode ser evitado?

  • contribuinte teve de submeter informações atualizadas perante as autoridades fiscais notificado lo do processo de apuramento de factos subestimando valor do imposto, que é definido como pagamento, ou à notificação do início da due diligence financeiro da situação.
  • O valor residual e multas foram pagas prematuramente, até o momento em que foi fornecido "utochnenka" às autoridades fiscais.

Características de declarações de fornecimento especificado

Primeiro de tudo, deve-se notar que "utochnenka" deve confirmar plenamente a informação correta. Você também deve considerar o fato de que a declaração de IVA para cada período fiscal ordenante não fornece como a mesma quantidade de tempo.

Todos os dados devem cumprir com as normas estabelecidas por lei. agentes fiscais podem refletir os dados desses contribuintes que têm erros ou distorções foram encontrados.

Geralmente, há duas razões principais para a necessidade de fornecer a informação revisada: insuficiente ou excedente. Quando recolhimento a menor de organização fiscal é obrigado a tornar a informação específica. Mas se o erro foi descoberto pelo contribuinte após a entrega da declaração e não levar a uma subestimação da base tributária, a informação de ajuste de carga da organização removido.

Para devolver o dinheiro à autoridade fiscal, quando o pagamento em excesso também é necessário apresentar "utochnenku". É regido pelo artigo 78 da lei de imposto. Mas deve-se dizer que o imposto é abordagem muito responsável para o retorno dos fundos, e procuram confirmar a declaração excedente revisto. Portanto, no caso em que a organização pretende recuperar pagamentos indevidos "utochnenku" é melhor para aplicar à administração fiscal.

Como posso confirmar o imposto deduções

Se a organização age como um agente fiscal, tais deduções são sujeitas a inspecção particularmente rigoroso (eles são mostrados na linha 210 da terceira seção). Estes dados são preenchidos pelos contribuintes.

Neste caso, há uma lista de organizações que não têm uma dedução de imposto, desde que:

  1. Aqueles que estão isentos de IVA nos termos do artigo 145 da lei fiscal.
  2. Empresas que implementam a riqueza confiscada e propriedade.
  3. Organizações que actuam como mediadores (e envolvidos no cálculo) na venda de propostas comerciais de empresas estrangeiras, não estão na conta com as autoridades fiscais na Federação Russa.

Um agente fiscal pode aplicar à dedução do IVA no caso de aquisição de produtos comerciais de empresas de origem estrangeira, bem como em caso de recompra ou arrendamento de propriedade municipal.

A lista de documentos para confirmar a legalidade dos requisitos de dedução baixos. Ele todos os documentos de pagamento contêm informações que a retenção do IVA tenha sido pago ao orçamento do Estado; faturas também deve ser apresentado pelo contribuinte. A dedução pode ser esperado somente quando a compra será utilizado para ações a ser sujeita a IVA.

Relativamente faturas precisa especificar alguns pontos importantes. No caso em que significou uma dedução "agência", que vai documentar que foi diretamente o agente. A organização nesta concretização prepara independentemente faturas em duplicata. Uma cópia é armazenada no log para monitorar faturas, é fixado na data último livro de vendas do documento.

Outra cópia é enviada para as facturas livro de controle recebidas e gravadas na revista compras. Estas regras são estabelecidas pelo Governo RF adoptada em Dezembro de 2000 (№914).

É necessário prestar atenção também para o fato de que na forma de realização acima, a entidade que vende na factura não é exposta, para que o aplicativo não está autorizado a deduzir do montante do pagamento por conta, que foi listado. Use suas vantagens fiscais apenas quando avançada para os produtos serão colocados na conta permanentemente.

Esperamos que a nossa informação ajuda você a calcular o IVA e corretamente preencher a declaração.